quarta-feira, 26 de novembro de 2014

Ele escolheu as coisas loucas deste mundo pra confundir as sábias - 1 Co 1:27

"Mas, para não escandalizá-los, vá ao mar e jogue anzol. Tire o primeiro peixe que você pegar, abra-lhe a boca, e você encontrará uma moeda de quatro dracmas. Pegue-a e entregue-a a eles, pra pagar o meu importo e o seu." - Mateus 17:27

 Como não amar Jesus? além de doce, carinhoso, manso, sábio, Ele ainda gostava de quebrar nossos "tabus", e foi o que Ele fez nessa passagem. Os coletores de impostos estavam perguntando a Pedro se o mestre dele pagava imposto, e ele respondeu que sim, e foi contar a Jesus, mas quando chegou la nem falou porque Jesus como um Deus zeloso já respondeu a ele dizendo que os filhos não tinham que pagar impostos, mas que para não escandalizar os coletores ele iria pagar. Então deu uma ordem muito legaaaal (esse é meu mestre) pra Pedro. 

 Imagine você discípulo de Jesus indo até Ele, e Ele vai e diz pra você "Agora vá ali no mar, pesque um peixe e abra a boca desse peixe, la vai estar as moedas pra pagar os impostos". Eu acho que eu pensaria "mas que mestre é esse que eu tenho?" xD 
 Eu imagino o que Pedro pensou enquanto ia, e eu imagino que até o peixe ficou "de cara" com o que aconteceu. c:

 Mas essa passagem linda, tem muitas coisas a ensinar. 

1 - Deus age nas coisas que você menos desconfia 

 Pedro era pescador, pra ele era natural ir la e pegar alguns peixes, era sua profissão, coisa da sua rotina, era como respirar pra ele. Mas quando Jesus mandou Pedro ir pescar um peixe e tirar uma moeda da boca do peixe, era como desconcertar tudo que Pedro já tinha visto, era como quebrar o cotidiano da vida dele. As vezes você ta fazendo coisas diariamente que nem percebe mais que ta fazendo, coisas que você já tem segurança no que faz, coisas que você já acha que faz tão bem que nem precisa prestar atenção, cuidado com essas coisas. Cuidado com o que deixa passar, até no movimento de vestir a roupa pra sair você deve prestar atenção porque até nisso Ele pode mexer. c:

2 - O primeiro peixe

 Na ordem tinha que se pegar o primeiro peixe, ou seja, não tinha um peixe escolhido, nem determinado onde estaria a moeda, o primeiro peixe era o que teria. A chave não estava no peixe que ele pegaria, nem no pescador, mas na palavra do nosso Rei, por isso temos que confiar em Jesus de uma forma insana porque Ele gosta de agir em coisas que ultrapassem nosso entendimento, viver pela fé, é frenético, por isso se te chamarem de "louco" por ser cristão, agradeça, beije a pessoa porque se você é louco nesse mundo então a coisa ta indo bem. Se Deus te disse algo, seja o que for, mas tudo parece ir contra o que Ele disse, a situação é de "desistir", tudo parece da errado, você deve olhar pra o que Deus disse porque essa sim é a certa e todo o resto errado. Acredite no que Ele diz mesmo quando pareça loucura aos nosso olhos. c:

3 - Ele cuidou até dos coletores

 A preocupação de Cristo não era bem em pagar impostos, mas em não escandalizar os coletores, até nisso Jesus pensava. E diante disso aconteceu um grande milagre, não ache que milagres vão vir só por você, alguns vão vir porque Deus também quer abençoar outra pessoas. Quando for abençoado se lembre de abençoar, de cuidar. Quando você pensa no próximo e deixa que Deus pense por você, Ele faz coisas lindas. Pedro viu algo incrível indo coletar a moeda pra não escandalizar os coletores, por isso, veja coisas lindas fazendo coisas pros outros, é onde você mais pode sentir o amor do Senhor. <3





sábado, 22 de novembro de 2014

O meu tesouro



" O Reino dos céus é como um tesouro escondido num campo. Certo homem, tendo-o encontrado, escondeu-o de novo e, então, cheio de alegria, foi, venceu tudo o que tinha e comprou aquele campo" - Mateus 13:44

 Encontramos um tesouro! Você que conhece o amor de Deus pode notar a diferença entre as pessoas que não entendem esse amor, o amor de Deus por cada pessoa é igual, mas algumas não conseguem enxergar o tamanho desse amor de uma forma tão intensa quanto quem anda todos os dias em oração, observando o universo, lendo a bíblia, em contato com Deus. c:
 Você tem um tesouro em mãos, você tem amor quando todo mundo procura um pouquinho dele, você tem carinho em meio a luta, paz em meio a sofrimentos, você tem uma vida corrida e ao mesmo tempo pacífica, você está descobrindo a felicidade eterna tão misteriosa, você está descobrindo a Deus. 



Em provérbios 25:2 diz que a glória de Deus é esconder certas coisas (esse brincalhão xD), e a glória de reis é descobri-las. 
Só que o que Jesus diz também tem um preço, o homem achou o tesouro tão sonhado, e então escondeu o tesouro e vendeu tudo que tinha, ou seja, ele trocou tudo que tinha, todo o seu passado, todo o seu presente pelo seu futuro tesouro. O tesouro você encontrou, mas você tem coragem de vender tudo que já tem pra ficar com esse tesouro? tem coragem de deixar tudo se for necessário? aquele trabalho, aquela mania, aquela pessoa especial (que te faz mal), aquela influência, aquele dinheiro, aquele velho jeito de ser? 


Mesmo que seja dolorido, vale a pena. Lembra de quando tínhamos que tomar injeção? doía no primeiro momento, mas depois você ficava livre de uma doença. Pode doer, mas ore, diga
"Papai, eu o amo, você é meu tesouro, eu não sei abandonar certas coisas, certas pessoas, minha mão é um pouco fechada, mas eu quero aprender a abrir mão dessas coisas, mesmo que demore, mesmo que machuque, eu quero estar mais perto de você, seja o meu tesouro, me ensine...em nome de Jesus"

Se você quiser pode a completar do seu jeito. Eu também estou aprendendo a abrir mão de certas coisas pelo meu tesouro, as vezes consigo, as vezes não, mas eu sei que Deus vai me ensinando, que temos um grande e lindo caminho pra trilhar, mas que vale muito a pena. c:




segunda-feira, 17 de novembro de 2014

A confiança

 "Peçam, e lhes será dado; busquem, e encontrarão; batam, e a porta lhes será aberta. Por todo o que pede, recebe; o que busca, encontra; e aquele que bate a porta serpa aberta" - Mateus 7:7-8


 Qual sua primeira reação ao ver uma criança chorar? mesmo se você não for tão paciente, vai querer entender o motivo do choro do bebê, se for comida, frauda, dor, você vai procurar ajudar, vai procurar saber. Os responsáveis pelas crianças correm quando elas choram, e só param quando ela ta bem, em paz. Com Deus acontece o mesmo, Ele é o papai e nós os "bebês"
 A alguns tempo atrás fui pedir uma coisa a minha avó, por ser da minha família e por meu pedido ser tão simples, eu pedi sem nem pensar duas vezes, já com os objetos necessários pra ela fazer o que eu tinha pedido. Eu não pensei se ia acontecer, se não ia, se ela ia reclamar, se ia me ouvir, eu só fui la e pedi. E novamente isso se repetiu hoje, e minha avó fez novamente o que pedi. 
 Quando você pede algo a um parente seu, um amigo, algo simples, você pede sem pensar em mais nada, é tão automático, pedimos pras pessoas "licença" já sabendo que elas vão dar, pedimos pras pessoas orarem por nós, sabendo que orarão, e pedimos, pedimos sem medo.

 Mas e quando o assunto é pedir a Deus? temos essa confiança que Ele vai responder?
Eu pensei comigo, quando vou pedir algo a alguém próximo, não espero a resposta, eu peço acreditando que vai acontecer, no máximo o que eu recebo é um não. Mas quando o assunto é Deus eu fico pensando nas respostas dEle, em como pedir, que forma, parece difícil confiar que Ele vai fazer como minha avó faz quando peço. Um Pai ta sempre pronto pra te ouvir cuidadosamente, te dar um conselho sobre o que é melhor pra você porque Ele sabe o que pode te fazer mal ou não, Ele ta pronto pra te incentivar, te colocar pra frente, e Deus quer te ver andando, prosseguindo, te livrando de coisas que te fazem mal, e sussurrando "Filho, mesmo que ninguém acredite, eu confio em você.."



Você realmente acredita que as coisas que pede a Deus vão se realizar? 
 Tudo bem, nem sempre o que pedimos o Papai vai dar porque são coisas que podem fazer mal, mas na hora de orar, você tem que confiar que aquilo vai acontecer porque você está orando por isso, e a oração é a realização. Vi uma frase sobre oração que dizia "Nunca se preocupe com o que vai acontecer, essa parte é de Deus", a parte de Deus é fazer acontecer de acordo com o método dEle, a sua parte é pedir mostrando o seu.
 É mais ou menos assim, você tem um pedaço de madeira nas mãos, e entrega a Deus pedindo que Ele faça algo com esse pedaço de madeira, Ele começa a fazer algo, mas esse algo do jeito dEle e logo sua madeira vira um lindo brinquedo. c: 
 Você pode pedir algo a Deus, e isso já é motivo pra você sentir como se já tivesse acontecido, e Ele vai te responder do jeito dEle, levando alguns dos seus pedidos pra seus propósitos. Lapidando a sua oração. Deus é a nossa resposta a oração.

Claro, oração não é só pedir, é se comunicar com o Papai, e também não seja tão radical a ponto de não pedir nada porque "Deus já te deu tudo", é lindo ser agradecido, mas para pra pensar, se ao mesmo tempo em seu coração tiver algo, Deus já sabe, e Ele é como um Pai. Um Pai não gosta de ver um filho escondendo algo dEle só porque diz que "não precisa". Sabe quando você quer fazer algo especial ou comprar um presente pra alguém especial, você imagina tudo e essa pessoa vai e diz "não precisa", isso desanima. Deus também sabe o que é necessário, mas Ele ta disposto a dar pequenas coisas a cada um de nós. Temos que manter o equilíbrio e a fé, a fé de que o que pedimos já vai acontecer, mas do jeito de Deus. 

  Deus é como um Pai, Ele gosta de ouvir cada coisa que o filho tem a dizer, como quando o bebê chora, Ele para tudo pra nos ouvir ( Salmos 116:2), até ficarmos em paz com a presença do nosso grandão. 



sábado, 8 de novembro de 2014

Testemunho sobre namoro/casamento.

Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu. - Eclesiastes 3:1

 Olá, tudo certo?
Hoje em dia é natural ver pessoas aderindo ao movimento "escolhi esperar", tem muitos jovens e adultos esperando em Deus o seu par. E isso é lindo *-*, mas ás vezes cansamos de esperar, e nos perguntamos ao Papai "Por que ainda não?" ou quando Ele diz um "não" pra certo relacionamento, ou quando nós manda esperar mais, costumamos sentir que nunca vai acontecer conosco. Alguns estão até a ponto de querer fazer as coisas sozinhos, outros estão tão apaixonados que querem de qualquer jeito um relacionamento com tal pessoa, mas hoje o Papai me deu uma outra visão do assunto. 


O seu tempo de espera pode não ser Deus te privando de algo que queira muito, mas pode ser Ele colocando uma proteção em relação a sua vida.
Por que eu digo isso? 
Hoje fui em um certo evento, não tinha muitas pessoas que realmente conhecia, eu queria ir embora, mas eu tinha que fazer algo antes, mas nunca conseguia, no final do evento eu sentei em uma mesa onde estava sentada uma moça, e eu e ela começamos a conversar, eu tava tentando buscar brecha pra falar de Jesus, mas quando fui contar ela já demonstrou saber sobre ele, então eu pensei "então não tenho nada de importante a falar" até que começamos a falar de relacionamentos, e ela foi me perguntando se eu gostava de alguém, e eu explicando sobre minha vida em relação aos sentimentos e ela começou a falar sobre os dela, ela começou a me aconselhar, e em um certo momento ela disse 
 - "O primeiro namorado são lembranças importantes, é o primeiro homem"
E eu concordei, sorri e disse 
- "Você ainda lembra do seu primeiro namorado?" e ela respondeu que era casada com ele, então eu fiquei nas nuvens, achei tão lindo, mas depois o semblante dela mudou, e ela começou a dizer que ele não via as coisas da mesma forma que ela, que ele era ainda muito mulherengo, ela o amava, mas aquela situação machucava tanto ela. 

 Eu as vezes sinto que não posso deixar alguns sentimentos meus de lado, imagine deixar algo que já aconteceu na sua vida, um casamento de anos, mas sofrer com os hábitos do marido/esposa que não te corresponde como deveria. As vezes você ta querendo tanto um relacionamento, mas se esquece que talvez seja o seu futuro casamento, e sua vida depois disso? como vai ser? o que vai estar dentro do seu casamento? ás vezes Deus cria uma proteção em relação a sua vida. 

 Não é só tempo de espera, acredite. Eu imaginei o quanto Ele deve estar cuidando do meu coração, pra eu não sentir a mesma dor que aquela moça, o quando Ele escuta nossas reclamações, exigências, mas somente Ele sabe do que nós protege.

 Nunca duvide do amor do Papai.

sexta-feira, 7 de novembro de 2014

A história de um Rei



 Já reparou no mundo? O céu, a aurora polar, blocos de gelo, sol, flores, estrelas, o oceano, algas, peixes, tubarões, animais, coelhos, são tantas coisas lindas ao redor do mundo. 





Existia um Rei, um Deus que decidiu criar tudo que imaginava, e da sua imaginação foi surgindo nuvens, céu, estrelas, oceanos, animais, mas esse Rei sonhava com algo especial, algo que o fazia suspirar, que fazia seu coração bater mais forte só de imaginar.
 O Rei resolveu criar pessoas    






e o Rei foi formando aos pouquinhos o que Ele tanto sonhava, braços para abraçar, pernas pra correr pelo mundo, olhos para o ver, boca para sempre poder conversar, e foi pensando em cada detalhe. Surgiu o homem, mas tinha algo errado, o homem não se mexia, não falava, não andava, e o Rei descobriu que como o homem vinha do seu coração, Ele teria que dar um pouco de si para que o homem fosse igual a Ele, andasse, falasse, sorrisse 





.. e o Rei soprou em seu nariz o ar, a vida. E o homem abriu os olhos e pela primeira vez viu o Rei, e ele sabia que aquele Rei era o autor de sua história. E o Rei criou também a mulher, e o homem e a mulher viraram grandes amigos dEle.

                                                                                                           

 O Rei criou um lugar perfeito para o homem e a mulher, e todos os dias ia conversar com eles, dia após dia, gostava de andar com eles, de os observar, Ele tinha um amor forte pelo que tanto tinha sonhado. 





 Existia porém alguém que não estava satisfeito com essa relação, existia um anjo que queria ser o melhor em tudo, e até o lugar do Rei almejava tomar, quando ele percebeu que o Rei amava o homem e a mulher começou a sentir ódio, não queria que a atenção fosse pra duas simples criaturas.        Resolveu acabar com aquela relação.    








O Rei tinha dado apenas uma ordem aos seus amigos, que não comecem de um fruto da árvore que tinha no jardim porque Ele sabia que aquilo poderia fazer muito mal a eles, a serpente (o ex-anjo) sabia que não poderia enganar ao Rei, então seu alvo era a parte mais frágil, o homem e a mulher. Quando a mulher esteva só, a serpente lançou mentiras no ouvido dela, dizendo que o Rei não queria que eles descobrissem tudo que deveria, que era mentiroso. E a mulher acreditou, comeu do fruto da árvore e também deu ao homem. 

Assim que comeram, perceberam que tinham sido enganados, com vergonha de si e do que fizeram se esconderam do Rei...    


                         



O coração do Rei estava se partindo em várias partes, Ele já sabia o que tinha acontecido mesmo sem que te contassem, Ele estava indo procurar o homem e a mulher, e a cada passo um pedaço do seu coração partia...



No lugar onde o Rei vivia existiam algumas leis que não poderiam
se quebrar, o Rei tinha justiça em seu coração, a serpente sabia que o Rei era justo e acusava o homem e a mulher, o Rei não poderia deixar pra la, por isso teve que mandar o homem e a mulher saírem do jardim



 O mundo virou um lugar assustador, o homem e a mulher tiveram filhos, e os filhos deles filhos, e muitas pessoas começaram a surgir, mas elas faziam o que bem entendiam, se achassem melhor matar alguém, matavam, uma batia na outra, roubavam, fazia o que achavam melhor, longe da presença do Rei eles morriam aos poucos...



Desde o dia em que o homem e a mulher saíram do jardim o Rei pensava neles, Ele nunca deixou de pensar, sempre esteve acompanhando seus amigos, e não se conformava com o que tinha acontecido com eles. O Rei não poderia abandonar a justiça, mas pelo seu amor Ele não poderia abandonar o ser humano. A serpente vivia acusando os humanos, e alguém tinha que pagar pela traição deles, e a serpente sentia que tinha triunfado. 



E o Rei então resolveu dar a sua vida para que os homens não tivessem mais culpa pelas suas traições, o seu amor era tão profundo que Ele não conseguia mais ver aquela situação. 




 O Rei morreria por eles. 
Esse Rei é Jesus. 

 Mas então quem é Deus?
Existe o Espírito Santo, Deus Pai e Jesus. 
- Deus Pai é o Papai de Cristo, o meu e o seu. 
- Jesus o filho, aquele que resolveu dar a vida por nós.
- e o Espírito Santo o que nos ensina sobre Jesus, sobre Deus, é o que ora por nós quando não conseguimos orar.
Mas os três são um só, os três formam um só Deus *-*
" Eu e o Pai somos um" - João 10:30 , é que eles estão em forma de espirito, e cada um completa o outro. 


Não pense que Deus só ficou vendo seu filho sofrer, Ele estava com Jesus na cruz, sentindo o que ele estava sentindo, passando pelo que ele estava passando. Mas tinham o amor pela humanidade, e isso foi o motivo de querer ver a cura dela. 

Mas a história não acabou na morte do Rei, Ele ressuscitou depois de 3 dias, e venceu a serpente, ele recuperou o que tinha sido perdido. 

 "Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu seu único filho pra todo aquele que nele crer não sofra, mas tenha vida eterna". João 3:16

E hoje podemos andar junto com o Rei de novo, conhecer ele cada vez mais. 

O Rei ta sempre pronto pra cuidar de cada um de nós, sem desistir. 


"Eu lhes dou a vida eterna, e elas jamais sofrerão, ninguém as poderá arrancar da minha mão. Meu Pai, que as deu pra mim, é maior que todos, ninguém pode arrancar da mão do meu Pai. Eu e o Pai somos um só" - João 10:28-30

"Eu sou a porta, quem entra por mim será salvo. Entrará e sairá, e encontrará pastagem. O ladão vem apenas para roubar, matar e destruir, eu vim para que tenham vida, e tenham plenamente. Eu sou o bom pastor. O bom pastor da a vida pelas ovelhas" - João 10:10-11

"Eu te amo" 







Jesus Cristo - O filho de Deus





  Olá, você pode ser budista, católico, naturalista, espírita, do candomblé, ateu, não importa, hoje não vim escrever de religião, vim falar de um homem que existiu, Jesus Cristo.


"Eu sou o caminho, a verdade e a vida"




Jesus foi um homem que era apaixonado pela humanidade, pra ele cada pessoa sempre foi única, seus olhos conseguiam enxergar além do que as outras pessoas viam, ele conseguia amar cada pessoa. 









Participou de vários momentos, e um deles foi onde muitas pessoas que se achavam certas se reuniram em uma praça para apedrejar e matar um mulher que tinha sido encontrada traindo seu marido. Jesus enxergou mais que uma traidora naquele momento, ele viu alguém que pedia socorro, viu uma pessoa que poderia mudar e então fez a conhecida pergunta "quem não tem pecado que atire a primeira pedra", as pessoas foram soltando as pedras e ele disse "se ninguém te condena, eu também não te condeno"




 
Ele defendia o pleno amor, os seus principais mandamentos era amar a Deus e ao próximo como a si mesmo. Defendia os que eram excluídos, os que eram doentes, os "mal vistos" pela sociedade. Comia com pecadores e publicanos, mas sabia o que tinha no coração de cada pessoa. 






dizia que deseja misericórdia das pessoas. Não impunha o que falava, mas mostrava o que sabia, esperando por pessoas que quisessem o seguir por isso, não por estarem pressionadas. 




Jesus amava demais, ele não via religiões, ricos ou pobres, sábios ou sem conhecimento, quem era seu inimigo ou seu amigo, ele via pessoas, apenas pessoas que poderiam mudar. 




Ele tanto amava as pessoas, eu não queria que elas carregassem a culpa pelos próprios erros, ele queria que elas sempre que quisessem e acreditassem pudessem mudar, se renovar, ele queria que elas soubessem que por meio dele, elas poderia seguir caminhos diferentes. E pra isso resolveu morrer por toda humanidade, todos. O seu amor doía, latejava, machucava dentro de si mesmo, não suportava ver o sofrimento e ficar calado diante disso.




 Jesus vai tão afundo nas pessoas, que existia uma regra que em dia de sábado ninguém poderia trabalhar, mas apareceu um rapaz com a mão atrofiada, e alguns "mestres da lei" que eram extremamente religiosos diziam que Jesus não era de Deus porque não guardava o sábado, então ele perguntou "O que é permitido fazer no sábado?" e a multidão ao seu redor ficou em silêncio, com medo de responder por causa da lei, o coração de Jesus se machucou tanto com aquilo que existe o relato que ele se entristeceu ao ver a situação, então Jesus curou o homem dizendo que ele já tinha sofrido demais e agora poderia mudar. E no final falou "No sábado é permitido fazer o bem". Seu objetivo era mostrar que o amor poderia ultrapassar qualquer religiosidade que poderia crescer no coração do homem. Uma nova forma de ver as coisas sem precisar destruir elas.



O amor de Jesus era tão forte que ele antes de ser crucificado sabia que ia sofrer, apanhar, ser cuspido, chicoteado, humilhado, tinha consciência da sua dor, mas quando viu que as pessoas que acreditavam nele estavam agitadas, reuniu forças em si, e as consolou dizendo "tenham bom ânimo, eu venci o mundo".





Ele mostrava perdão onde viam condenação, começo para quem via
fim, renascimento pra quem via morte, força pra quem via fraqueza, amor pra quem sentia que tudo já tinha acabado. E não duvide, até hoje Jesus vive. E você pode falar com Ele sempre que quiser. "Ele veio pra salvar o que tinha se perdido"
Não há salvação em nenhum outro, pois, debaixo do céu não há nenhum outro nome dado aos homens pelo qual devamos ser salvos. - Atos 4:12


Pra conhecer Jesus você só precisa acreditar nele, acreditar no amor dele por você, ter fé. 
 "Não tenha medo, apenas creia" Marcos 5:36

Quer saber mais dessa história? Entre nesse mundo.








  




quinta-feira, 6 de novembro de 2014

Deus is Deus

"Do Senhor é a terra e tudo o que nela existe, o mundo e os que nele vivem" - Salmos 24:1

  
Olá, existem tantas coisas lindas pelo mundo, o mar, o céu, estrelas, oceano, aurora polar, constelações, flores, animais, você. Você pode perceber a doçura dEle apenas olhando o céu, a sua delicadeza, os seus sentimentos, o seu amor estão vivos, é só colocar a mão no seu coração você vai perceber que ele ta pulsando, é uma ligação com Deus.

 No versículo do salmos 24:1 diz que toda terra é do Papai, foi Ele que criou com todo amor. Ele também te amor pelos seres humanos, e fica muito feliz em realizar os desejos dos nossos corações, mas não faz isso pra que agarremos tudo que Deus da e não soltemos mais.
Ás vezes Ele vai te dar coisas, mas não quer que seu coração se prenda tanto a algo que Ele deu a ponto de se esquecer do próprio Senhor, por isso, ás vezes Ele também vai pedir com todo carinho que devolva para que você não fique preso a nada nessa terra porque tudo aqui é passageiro. Aconteceu com Abraão, que ganhou o que tanto queria, um filho, mas quando o coração de Abraão tava se concentrando demais em Isaque, Deus pediu que o devolvesse a Ele, não porque queria a tristeza de Abraão, mas porque queria o mostrar que nada poderia o prender nessa terra.
 Jó quando perdeu tudo reconheceu que veio nu do ventre da sua mãe e voltaria nu (Jó 1:21). Por isso, por mais difícil que seja, não se apaixone tanto pelas coisas da terra, elas vão passar, todas elas desde as mais importantes até as de menos valor, mas Deus é eterno, e é nEle que você tem que se concentrar. 

Confie nesse amor, confie no Senhor, o conheça, se aproxime dEle, deixe que Ele te mostre o mundo de outra forma, deixa a doçura dEle te contagiar por completo.

"Acaso você entrou nos reservatórios de neve, já viu os depósitos de saraiva que eu guardo para os períodos de tribulação, para os dias de guerra e de combate?" - Jó 38:22-23







terça-feira, 4 de novembro de 2014

Quando a vida entra em desequilíbrio e a rebeldia quer me dominar

Adultos, ricos, pobres, homens, mulheres, enfim... Qualquer pessoa está sujeita a passar por situações desconfortáveis, a viver algo novo que muitas vezes nos faz ficarmos receosos e meio intimidados logo de cara ao enfrentarmos algo desconhecido até então. Se isso acontece com qualquer pessoa, com os jovens não poderia ser diferente... Acontece que, na adolescência e na juventude, essas situações tem uma proporção peculiar, mas que não fogem muito da realidade de outras pessoas, porém, o que muitas vezes devemos ter cuidado, é com a atitude que tomaremos em relação às situações, e, aí entra uma palavra interessante chamada equilíbrio!

“Aquele, pois, que cuida estar em pé, olhe não caia.”
{1 Coríntios 10:12}

Estava eu em um quarto com alguns amigos durante um congresso da igreja e, enquanto eu arrumava algumas coisas em minha bolsa, notei que o pastor deles estava aconselhando-os em relação a algumas coisas... Algo sobre problemas, equilíbrio, rebeldia e coisas assim... Algumas coisas que o Senhor falou conosco durante aquela manhã, irei retratá-las neste post. =]

01. Inconformismo e rebeldia são coisas diferentes


Qual tua idade? Não precisa responder em alta voz! Acredito que se você for adolescente (ou está no começo da juventude adulta), meio que de vez em quando, você se chateia com um monte de coisa dos mais diversos tipos (atitudes, palavras, maneira como o mundo anda e afins). Geralmente, a fase tida como “rebelde” por algumas pessoas é quando alguém chega aos 19 anos e, realmente, faz um pouco de sentido! Digo por experiência própria, pois estou nessa idade, mas nossa forma de agir como cristãos deve quebrar alguns princípios que o mundo secular tenta impor.  Tome como exemplo o jovem profeta Daniel: Ele estava em ambiente que fugia dos princípios do nosso Deus, e se ele agisse de forma “rebelde”, talvez não transpareceria para o rei Nabucodonosor o brilho do real Senhor a quem Daniel servia. Agindo de forma tão diferente, Daniel apenas escolheu não se conformar e não se adaptar aos padrões idólatras e que fugiam dos princípios estabelecidos pelo Senhor Deus. Em síntese: Daniel poderia ter sido rebelde, mas ele não fez isso! Ele equilibrou a razão para obedecer e dar um bom testemunho como servo de Deus onde ele estava, junto com a fé no Senhor a fim de não se contaminar com as maldades do reino babilônico.

02. Tenha cuidado quando a tua vida apresentar um desequilíbrio
Observe o verso abaixo:

“Porque ninguém pode pôr outro fundamento além do que já está posto, o qual é Jesus Cristo.”
{1 Coríntios 3:11}

Fundamento é algo que pode ser entendido como alicerce, base, algo em que um objeto ou uma pessoa está firme. O verso exposto acima nos mostra que o Senhor Jesus deve ser a nossa base, nossa rocha firme, como diz a palavra em Mateus 7:24-25. Atrelado a isso, note o verso de 1 Coríntios 10:12 logo no começo deste post. Unindo tudo isso, pode-se perceber que quando tudo o que fazemos, primeiramente está baseado nos princípios do Senhor, de uma vida cristã genuína, íntegra, ou que apesar de falhas, sempre busca-se um aperfeiçoamento no amor de Deus, há um equilíbrio! Assim, se cumpre o que o Senhor nos diz em Mateus 6:33, nos orientando a buscar primeiramente o Seu reino e Sua justiça e as outras coisas nos serão acrescentadas. Então, quando nossa base, nosso princípio e meta de vida é sempre honrar e adorar ao Senhor com toda nossa forma de viver há um equilíbrio em todas as áreas da nossa vida: Estudos, trabalho, sentimentos, relacionamentos, amigos, família e afins.

Porém, tome cuidado quando você notar que as coisas estão começando a demonstrar desequilíbrio. É como se fosse um malabarista tentando equilibrar várias bolinhas em uma apresentação, mas algumas delas começam a querer cair! Imagine o trabalho desse malabarista tentando equilibrá-las! É isso que o Senhor quer nos orientar: Quando nosso ponto de equilíbrio é Ele, as outras coisas fluem tranquilamente mesmo com circunstâncias adversas ao redor, mas mesmo assim, há equilíbrio em tudo! Ele também quer que não confiemos em nós mesmos, em nossas próprias habilidades ou méritos. Não podemos nos deixar levar pelas nossas próprias emoções, nossas próprias regras. É aí que entra o equilíbrio: Uma estabilização primeiro da fé, depois da razão e por último, as emoções e nunca baseada no que sabemos ou achemos que podemos fazer.

“Confia no SENHOR de todo o teu coração, e não te estribes no teu próprio entendimento. Reconhece-o em todos os teus caminhos, e ele endireitará as tuas veredas. Não sejas sábio a teus próprios olhos; teme ao SENHOR e aparta-te do mal.”
{Provérbios 3:5-7}

03. A solução!
E se alguns de nós estivermos com a vida assim, desequilibrada... O que fazer? O.O Pois bem... Note o conselho que o Senhor nos dá:

“Todo aquele, pois, que escuta estas minhas palavras, e as pratica, assemelhá-lo-ei ao homem prudente, que edificou a sua casa sobre a rocha; E desceu a chuva, e correram rios, e assopraram ventos, e combateram aquela casa, e não caiu, porque estava edificada sobre a rocha. E aquele que ouve estas minhas palavras, e não as cumpre, compará-lo-ei ao homem insensato, que edificou a sua casa sobre a areia; E desceu a chuva, e correram rios, e assopraram ventos, e combateram aquela casa, e caiu, e foi grande a sua queda.”
{Mateus 7:24-27}

A solução é simplesmente esta: Ter nossos princípios, regras, forma de agir, pensar e falar baseados em tudo o que o Senhor Jesus nos ensina, no fundamento que o Senhor Deus nos estabeleceu: Ele, somente Ele! Se tua vida está desequilibrada, você já se cansou de planos e planos frustrados, de construir casas sobre a areia e vê-las sendo derrubadas pelas ondas do mar, prove o amor de Cristo, experimente morrer para o teu próprio eu, para tuas próprias vontades e construa tua vida nEle! Ele morreu para nos dar vida em abundância e ressuscitou ao terceiro dia! Vivamos por Ele, por amor, tão somente!

Para concluir este post, agradeço primeiramente ao Senhor, por Ele ser sempre bom demais e até aqui tem nos sustentado com Sua graça sem igual, por mais esta oportunidade que Ele tem nos dado de falar da Sua palavra e depois à minha querida irmãzinha tão especial que o Senhor tem me concedido uma amizade tão linda, tão diferente de tudo que eu já vivi: Rê, muito obrigado pela oportunidade de escrever aqui, mocinha! Ele te ama muitãããããããããããão, querida!

Que o Senhor Jesus te abençoe e te guarde sempre! ELE É BOM! =D

segunda-feira, 3 de novembro de 2014

nossos pés calçados com o evangelho da paz - Ef 6:15




 Boa noite pequenin do Senhor, tudo certinho? 
  
Você já tentou sair na rua sem calçar uma sandália ou um sapato? na maioria das vezes quando vamos sair, calçamos os calcados pra poder proteger o pé do calor da calçada, dos espinhos, pedaços de vidros, pedrinhas ou coisas que possam machucar nosso pé. 
 No mundo espiritual é o mesmo, em efésios 6 se fala da nossa armadura pra viver nesse mundo, e também fala que temos que calçar os lindos sapatinhos do evangelho da paz, sapatos porque temos que usar eles onde quer que a gente ande, qualquer lugar

Esse mundo 

 Aconteceu uma situação delicada comigo essa semana. Eu não sou muito de sair pelo meu prédio, mas na maioria das vezes que saia para a área aberta do condomínio encontrava com um senhor (com uns 50 a 60 anos por aí) que gostava de ficar la com o cachorro dele. Eu nunca tinha me aproximado o suficiente desse senhor, mas ele me elogiava quando via, e por isso eu costumava manter uma certa distância desse senhor, eu falava com ele, mas não me aprofundava por medo de poder estar próxima demais e a situação ficar estranha. No sábado eu passei por esse senhor e no domingo eu soube que ele faleceu. E eu lembrei "eu acho que nunca falei quem é Jesus, o que Ele fez e o que Ele desejava pra esse homem".

 Uma das piores situações é sentir que desapontamos a Deus, e eu senti isso. O senhor estava no ambiente espiritual agora e eu não sabia se ele tinha conhecido a Jesus, se ele pode ter a chance de saber um pouco mais sobre esse nome. O Papai tinha me colocado no caminho desse senhor, mas eu fiquei concentrada em tudo, menos no evangelho que deveria andar comigo.  E em quantos locais não agimos assim? estamos em sociedade, na escola, faculdade, curso, trabalho, condomínio e até na nossa própria casa, existem várias pessoas no nosso caminho que nem sabem quem é Jesus direito, e como estamos agindo sobre isso? as vezes agimos como se vivêssemos eternamente, até o choque da morte aparecer. 



Mas existe tempo de mudança, as vezes ficamos tão ligados nas nossas lutas, em conseguir nossos sonhos, nossos desejos que esquecemos o que temos que gritar pro mundo ouvir, essa vida não é eterna, não vamos correr tanto por ela. O inimigo tem uma estratégia de colocar receio no nosso coração em relação as pessoas, como fez comigo em relação ao senhor, eu tinha medo de dar lugar a uma visão errada dele e olhei tanto pra isso que esqueci o principal. As vezes você ta achando que aquela pessoa é sua "inimiga" e só orando pra conseguir suportar, mas talvez aquela pessoa esteja morrendo, e o inimigo não quer que você mostre vida a ela, por isso esse afastamento. 


 Vamos orar para que o Papai prepare as pessoas, pra que estejamos prontos pra falar porque o amamos, o que Ele fez, que Ele quer todos juntos. Vamos pedir palavras a Ele, palavras espirituais e não do nosso próprio conhecimento, vamos usar nossos sapatinhos. 
 "Ide a todo mundo e pregai o Evangelho a todo criatura" (Mc 16,15)

                                         https://www.youtube.com/watch?v=qeaUzud_JjU