sábado, 31 de dezembro de 2016

Siga-me



Esse texto foi publicado originalmente aqui Eterno Inconformado


Olá, a paz.
Que saudades de publicar aqui meus irmãos, perdão pelo tempo distante. 

 Hoje vim contar algo que o Papai tem me ensinado e eu desejo que edifique muito você, irmão leitor.

 La em João 21.18-22, Jesus ta tendo uma conversa com Pedro, Ele conta algumas coisas que vão acontecer na vida de Pedro, mas Pedro não tava muito focado em Jesus, o alvo de Pedro era João (o outro discípulo de Jesus).
 "Quando Pedro o viu (João), perguntou:"Senhor, e quanto a ele?" 
Respondeu Jesus: "Se eu quiser que ele permaneça vivo até que eu volte, o que lhe importa? Quanto a você, siga-me!" (verso 22)
Jesus quase deu uma voadora em Pedro, haha, mas lembre Deus disciplina a quem Ele ama. 

Irmãos, o que aconteceu aqui foi uma tendência da nossa natureza humana de querer se comparar com nossos irmãos. É interessante que aconteceu com Pedro, já deveria ter acontecido antes de Pedro e pode acontecer até hoje (nós cristãos não estamos excluídos disso).

Comparar significa pegarmos duas coisas diferentes e começar a avaliar uma em relação a outra e isso pode fazer um estrago quando usamos a comparação nas nossas vidas. Olha alguns exemplos de comparações:

"Enquanto eu viajo pro interior, fulano ta viajando pra fora do Brasil"
"Fulano com certeza tem um grandes planos de Deus em sua vida, mas eu não"
"Ela(e) tem um cabelo lindo, mas o meu..."
"O meu ex-namorado era mais carinhoso que o meu atual"
"Fulano tem um ministério com tantas pessoas e eu ainda não tenho nada disso"
"O carro de ciclano é do ano e o meu é do ano retrasado"
"Fulana casou esse ano e eu ainda não achei ninguém"
"Ele passou na faculdade e eu ainda nem sou formado(a)"
"Deus respondeu ele naquilo que eu queria e pra mim parece que nada acontece"
"Ele tem mais condições e eu não posso comprar isso"
"Ganhou um celular do ano e o meu é antigo, não faz nada."


E tantas outras comparações (que na maioria das vezes mostram como se o outro fosse mais privilegiado que a gente). Irmãos, isso cria uma raiz amarga no nosso coração porque faz a gente pensar como se Deus desse bons planos pra outras pessoas, mas quando se trata da gente é como se fosse menos, como se Ele não respondesse as nossas orações como a dos outros e essa sensação junto com outras faz com que a gente perca a felicidade que Deus quer que a gente viva todos os dias.


A bíblia é a Palavra da verdade e la em Salmos 23.1 diz assim: "O SENHOR é meu paistor, de nada terei falta." Se na palavra da verdade diz que de nada teremos falta, então, mesmo que nas nossas mentes a gente pense que ta faltando isso ou aquilo, que o que queríamos não aconteceu e pá, ainda sim nada faltará. Tudo o que temos agora é o suficiente pro momento e devemos ser gratos por isso. Não devemos confiar mais nos nossos sentimentos do que no que Deus diz.
 Somos pessoas únicas (Salmos 139.14) "Eu te louvo porque me fizeste de modo especial e admirável [...]. Nunca existiu alguém como você e nunca vai existir novamente, a prova física disso é sua impressão digital, é única. E por sermos únicos, Deus tem um relacionamento, planos, sonhos, presentes únicos pra gente, tem uma história única pra mim e pra você. Quando comparamos o que Deus nos da com o que da a outros acabamos perdendo a visão do valor da nossa história e sempre vai parecer que temos menos, sabe por que? porque a nossa medida não é como a do outro, não fomos feitos para o outro, mas para Deus.

Eu queria te dizer que se comparar é algo que podemos fazer em qualquer momento da nossa vida, é algo natural, não pense que você é um monstro se tem essa tendência porque é algo que acontece com a maioria das pessoas e eu já passei muito tempo da minha vida me comparando (e isso foi dolorido pra mim). Deus disciplina quem ama (provérbios 3.12), então, Ele foi me falando desse assunto e hoje compartilho com vocês. Na bíblia fala que temos que levar cativos nossos pensamentos a Cristo (2 Coríntios 10.3-5), se ele pede pra levarmos nossos pensamentos cativos a Cristo é porque a nossa tendência é pensar de uma forma contrária ao que Deus quer, mas o que faz a diferença é como vamos tratar esse assunto, se é continuar alimentando a comparação ou resistir a ela, lutar contra ela. Vai ser uma luta mesmo, decidir não se comprar e voltar a mente pra Jesus e eu queria falar do processo que vai ajudar nessa luta.

E eu quero dizer que a cura pra comparação está na gratidão.
"Bendigam o SENHOR todas as suas obras em todos os lugares do seu domínio. Bendiga o SENHOR a minha alma" Salmos 103.22


 Deus é tão carinhoso comigo e com você, Ele deu a vida pra nós quando ainda eramos inimigos dEle, na bíblia fala que Ele foi ferido pra que as nossas feridas fossem curadas, Ele tem estado conosco o tempo todo, quando as coisas estão ruins Ele está la, ouve nossos desabafos, chora quando choramos, nos consola, responde nossas orações, cuida dos nossos familiares, faz a gente se sentir bem mesmo quando a maioria das pessoas pode não ligar pro que sentimos...e além da presença dEle, Ele tem nos abençoado com alimentação, casa, roupas quentinhas, saúde.
Vi uma pesquisa que tem pessoas que tem apenas dois pares de roupas pra vestir. E eu sei que Deus tem nos abençoado com uma quantidade legal de coisas. 
Mas de todas as coisas, a presença dEle sempre será a maior e o nosso eterno motivo de gratidão, nenhuma palavra poderia expressar a presença dEle aqui. Ele é nosso maior bem e la em Jeremias 29.11-12 diz que Deus tem bons planos pra gente, não de fazer mal, mas de esperança e futuro. 

Nossa vida é única, e podemos personalizar ela do nosso jeitinho com Cristo, é uma vida só na qual vamos pegar na mão de Cristo e fazer uma louca viagem ao lado da melhor companhia de todos os tempos: A dEle. 


Deus te abençoe. Ele já abençoa. 

sábado, 24 de dezembro de 2016

Prófugo (não é Jonas!)

Confesso: o semestre foi pesado. Me vi inebriado nesta parafernália chamada mundo. Do senso crítico apurado às análises silenciosas, transitei de qualidades a defeitos. Já fui mais feliz enquanto sentia aquele amor inócuo que devastou tudo em formas de versos fora do lugar. Essas coisas da vida adulta que chegam sem pedir licença... onde quem se achava o máximo se vê o mínimo... reticente como um diamante negro encontrando seu lugar no lar dos estapafúrdios escalafobéticos.

Você não é todo mundo!
Da mesma forma que um computador acumula excessos no decorrer de seu uso, vamos correndo e esbarrando em algumas sujeiras durante o trajeto: tato, paladar, olfato, visão e audição desviados. Assim como Sansão no disparate ávido de sua juventude se viu longe dos desígnios de Deus, vamos trilhando caminhos semelhantes: sabemos o que Ele quer de nós, mas fugimos ao nos distanciar de Sua vontade. Tal qual Sansão e Salomão (quem diria que o mesmo cara que nos orientou a ter cuidado com mulheres estranhas, se viu ludibriado por elas?), há muitos fortes sendo fracos e sábios sendo tolos, levados pela coleira do seu ego, se perdendo por se acharem. De chama em chama, um ímã pode perder seu magnetismo, e o resultado (quando não nos arrependemos) não pode ser outro: ficamos cegos, feridos por acreditar que o pecado faz acepção de pessoas; se ele fez o que fez com um rei e um juiz, veja lá o estrago possível na vida dos “super-espirituais” de hoje.

Tudo bem. É possível restaurar um computador sobrecarregado, entretanto, se tratando de vida, o reparo tem outro nome: avivamento. Entender que desejar um rei humano (enquanto se tem DEUS como Rei) apenas porque todas as nações ao redor têm é o pior dos caprichos (modinha, no vocábulo de hoje) e o suficiente para nos levar a entender que não fomos feitos para este século, que não somos daqui, que Ele é o Dono e nós, Sua casa. E mais: Ele tem ciúmes deste lar chamado “teu coração”.

“Então disse Jesus aos doze: Quereis vós também retirar-vos? Respondeu-lhe, pois, Simão Pedro: Senhor, para quem iremos nós? Tu tens as palavras da vida eterna.”
(João 6:67-68)

Deus (bondoso que só!) teve misericórdia de Sansão ao dar-lhe um novo vigor no momento em que ele já não podia nem mais enxergar. Não espere os maus momentos chegarem para pedir forças ao Senhor; busque-O desesperadamente no agora, e por mais que você tenha desertado, ainda há graça para sair da caverna do pecado. A vida não é um jogo de xadrez onde você tem uma visão geral do que está acontecendo, então, sossegue e lembre-se que Deus descortina o teu coração por inteiro e também não esqueça que o tempo inteiro Sua bondade e graça estão contigo. Bem assim, lado a lado.

Que Papai do céu te abençoe e te guarde! Estar com Ele é melhor que absolutamente tudo! =]

Sobre Sansão: Juízes 13-16. | Sobre Salomão: Provérbios 7; 1 Reis 11.
Versos adicionais: 1 Samuel 8:5; Mateus 6:8; 28:20; 1 Co 10:12.

P.S.: Deixo registrado aqui minha gratidão ao bom Deus, não apenas pelo texto que Ele me concedeu, mas também por Ele me dar de presente uma amiga tão especial que é a dona deste blog. Uma mocinha doce como o Pai dela! <3